GRUPO DE HISTORIA DA BIOLOGIA




No dia 20 de maio de 2016, às 18h, na cidade de Teresópolis, no UNIFESO, Campus Quinta do Paraíso, sala 5, reuniram-se o Coordenador do Curso de Ciências Biológicas prof. Carlos Alfredo Franco Cardoso, a prof. Dra. Ana Lúcia Costa Ribeiro (coordenadora do grupo de História da Biologia), a Profa. Dra. Liane Franco Pitombo e Prof. Dr. Luiz Paulo Luzes Fedullo, além dos estudantes a seguir relacionados para fundar o grupo de História da Biologia: Ana Caroline Siqueira Pereira, Danielle Ponte Goulart, Karina Nunes Serafim, Renata de Souza Lopes Ribeiro, Michel Ronan Sampaio Freitas, Roni Michael Sampaio Freitas, Lucas Santos Sousa, Matheus da Motta Braga, Pablo Raphael Vieira Fernandes, Edivaldo de Almeida Amaral Junior, Amanda Devide Garcia, Vinicius Dias Netto, Marcelo da Silva Pimentel, Thalia Gomes Pinheiro, Giulia Giuberti, Olga Bruna Carmo dos Santos, Naiara Rezende Gonçalves, Karina Oliveira dos Santos Philipp, Matheus de Sá Freitas Tavares, Denis da Silva, Leandro Carreiro Fita, Franklande Caetano Pereira, Gabriel Rosário (Medicina Veterinária). A professora Ana Lúcia explicou aos presentes que o grupo de História da Biologia (GHB) tem como objetivo desenvolver e estimular estudos no âmbito do ensino, pesquisa e extensão em História da Biologia no Brasil e no mundo.


O professor Carlos Alfredo fez uma rápida retrospectiva da A primeira jornada da biologia que aconteceu com a quarta Jornada de História da Medicina nos dias 11 e 12 de novembro de 2015 com a participação da professora Mariana Beatriz Arcuri, diretora do Centro de Ciências da Saúde (CCS); Daniel Pinheiro Hernandez, coordenador do grupo de História da Medicina; Carlos Alfredo Franco Cardoso, coordenador do curso de Ciências Biológicas; Mario Manoel Fortes, médico, biólogo e professor do Curso de Medicina e Ciências Biológicas  do UNIFESO, além de estudantes de medicina e Ciências biológicas. Na oportunidade o professor Mario Fortes proferiu uma palestra sobre a importância histórica do Museu Nacional da Quinta da Boa vista, localizado no Rio de Janeiro para a ciência brasileira. Criado por Dom João VI, em 6 de junho de 1818 e sediado inicialmente no Campo de Santana, serviu para atender aos interesses de promoção do progresso cultural e econômico no país. Originalmente denominado de Museu Real, foi incorporado à Universidade federal do Rio de janeiro em 1946.O palácio foi residência da família real portuguesa de 1808 a 1821, pertenceu à família imperial brasileira de 1822 a 1889, abrigou a primeira Assembleia Constituinte Republicana de 1889 a 1891 e é sede do Museu Nacional a partir de 1892. Na palestra o prof. Mario explanou também sobre o trabalho desenvolvido com a ordem odonata onde encontramos as libélulas e lavadeiras. 










Primeira apresentação:

Dia 3 de junho de 2016 - Pablo Raphael Vieira Fernandes – “A Eugenia de Galton”: Estudantes presentes: Karina Nunes Serafim, Pedro Ivo Christianes de Oliveira e Silva, Marcello de Souza Alves, Lucas Santos Sousa, Thaís Castelo Branco Magliano, Cristiano Henrique Teixeira da Silva Junior, Matheus Amorim dos Santos, Vitor Guniel Cunha, Ramon Bravo Rodrigues, Ana Carolina Siqueira Pereira, Danielle Ponte Goulart, Matheus da Motta Braga, Mariana Costa Silva, Ulyma Ramos Hentz Pinto, Arthur da Silva Quintanilha, Bruno Abrão da Cruz, Larissa Aparecida Dimas Rodrigues (Farmácia), Gabriela Strang de Camargo Penteado, Marcelly da Graça Marques, Matheus de Paula Soares, Gustavo Paim de Carvalho, Monik Costa de Amorim Barbosa (Farmácia), Laura Amaral, Oliveira, Thalia Gomes Pinheiro, Norton Andrade dos Santos, Shayeny da Anunciação Machado, Ana Beatriz Uchoa Mesquita, Vinicius Figueiredo Motta, Patrícia de Freitas Brandão (Farmácia), Karina Oliveira dos Santos Philipp, Pablo Raphael Vieira Fernandes, Amanda Devide Garcia, Vinicius Dias Netto, Karoline Bittencourt, Aluma Lima Almeida (Farmácia), Naiara Rezende Gonçalves, Renata de Souza Lopes Ribeiro, Maria Regina Cupertino Fernandes Araújo, Wesley Pacheco Rocha (Farmácia), Gisele Ferreira Tardelli (Farmácia), Thainá Pacheco Rocha (Farmácia), Dayane Silva de Souza (Farmácia). Professores: prof. Carlos Alfredo Franco Cardoso, a prof. Dra. Ana Lúcia Costa Ribeiro, a Profa. Dra. Liane Franco Pitombo e Prof. Dr. Luiz Paulo Luzes Fedullo. 

Segunda apresentação:
Dia 1 de julho de 2016 - Matheus Sá Freitas Tavares, “A origem da profissão de biólogo no Brasil”. Estudantes presentes:  Ana Caroline Siqueira Pereira – “A breve história de uma doença chamada possessão” e Lucas Santos Souza “Uma pesquisa sobre a Morfina”: Estudantes presentes: Rafael Carracena de Souza Tapajoz, Vitor Guniel Cunha, Michel Ronan Sampaio Freitas, Matheus de Sá Freitas Tavares, Ana Carolina Siqueira Pereira, Danielle Ponte Goulart, Vitória Gonçalves do Canto, Karina Nunes Serafim, Lucas Santos Sousa, Edivaldo de Almeida Amaral Junior, Matheus da Motta Braga, Pedro Ivo Christianes de Oliveira e Silva. Professores: prof. Carlos Alfredo Franco Cardoso, a prof. Dra. Ana Lúcia Costa Ribeiro e Prof. Dr. Luiz Paulo Luzes Fedullo.

Terceira apresentação:

No dia oito de julho o estudante Matheus da Motta Braga - “ A concepção clinico- patológica da Surdez”: Estudantes: Pedro Ivo Christianes de Oliveira e Silva, Matheus de Sá Freitas Tavares, Luiz Paulo Fedullo (Docente), Ana Lucia Costa Ribeiro (Docente), Ana Caroline Siqueira Pereira, Karina Nunes Serafim, Danielle Ponte Goulart, Miguel Soares Gomes, Vitor Guniel Cunha, Vinicius Dias Netto, Amanda Devide Garcia, Lucas Santos Sousa, Isabella Moraes do Carmo, Matheus da Motta Braga. Professores: Biológicas prof. Carlos Alfredo Franco Cardoso, a prof. Dra. Ana Lúcia Costa Ribeiro), a Profa. Dra. Liane Franco Pitombo e Prof. Dr. Luiz Paulo Luzes Fedullo. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.